22 setembro 2011

O mapa

Com um lápis na mão, eu rabisco o mapa de meu país. Delimito linhas e imito suas curvas graciosas. Dentro dele coloco figuras e palavras, como uma criança que inventa uma história. As palavras se perdem pelo espaço babilônico de meu país continental. Ilustro-o com um sol amarelo copioso. Vou pintando a sua área com as cores de minha alma, enchendo-a de luz e de movimento. Recorto o mapa e seguro-o em minhas mãos. Com resguardo, embalo-o carinhosamente. Então, desenho o mar de águas claras, verdes. Este mar imenso que balança faceiro, acaricia a minha terra. Beija-lhe o rosto e lambe as areias da praia. Meu olhar se perde na imensidão do mapa que risquei, e eu sinto uma doce loucura que me envolve e uma saudade imensa... que transborda.


Eu sei... outra vez xícaras! Mas eu gosto tanto. Esta é de Cath Kidston.


Imagem e texto: Ilaine

27 comentários:

Rejane Abreu disse...

POR FAVOR, Ila! continue fotografando suas xícaras. rsrsrs Simplesmente adoroooo. E acompanhada de um texto assim, a xícara fica ainda mais bela e eu com uma vontade imensa de tomar um café bem quentinho.

Bom dia, Querida.

Bjsss

O meu pensamento viaja disse...

O seu texto concretiza magistralmente a quela palavrinha só nossa, que trespassa, mas não fere, que faz doer, mas dá alento, que machuca, mas impulsiona ... a saudade, uma dor especial que não derruba, antes empurra para a fonte que a sacia.
Já sofri de saudade e o meu impulso vital foi aplacá-la, adormecê-la.
Esse seu ataque, espero seja a mola para "matar" a saudade.
O seu texto é lindo.
Gosto de coisas lindas, da chicara, também.
Beijo
Nina

Καλλιόπη . . . disse...

Ah, eu tbm adoro xícaras... e as que vc posta, uma mais linda que a outra! ^^

E eu tbm adoro esse blog, super clean... Amo blogs "Clean", kkkk, mas tanto, que muitas vezes deixo de acessar um blog só por causa das coisas que o povo coloca nas barras laterais, gif animado, músicas estrambólicas, mensagens pisca-pisca! kkkkkkk
O que tem a ver isso que eu tou dizendo neh! rsrs Tou doida!

Um lindo dia pra tu Ilaine...

Bjus
@OMundoDeCaliope

✿ chica disse...

LIndo texto e a xícara também! beijos,chica

Sonia disse...

Que linda xícara, como você gosto muito delas. Gosto de vê-las e de tê-las.
As palavras também são lindas.
Hoje recebo a visita de uma amiga que está vivendo na Holanda, e ouvi dela uma descrição da saudade parecida com a sua.
Um beijo e ótima quinta feira

Sonia disse...

Que linda xícara, como você gosto muito delas. Gosto de vê-las e de tê-las.
As palavras também são lindas.
Hoje recebo a visita de uma amiga que está vivendo na Holanda, e ouvi dela uma descrição da saudade parecida com a sua.
Um beijo e ótima quinta feira

@ Escritora disse...

OLá,

Adorei seu blog, já estou por aqui!

Saudações

Andréa disse...

OLÁ MINHA QUERIDA!
LINDO TEXTO, LINDA XÍCARA,VOCÊ É UMA PESSOA LINDA DE MUITO BOM GOSTO!

UM GRANDE BEIJO NO SEU CORAÇÃO,
ANDRÉA........

Patricia Merella disse...

Olá Ila
O outono neste este poder de deixar nossos dias cheio de nostalgia.
"Meu olhar se perde na imensidão do mapa que risquei, e eu sinto uma doce loucura que me envolve e uma saudade imensa... que transborda."
lindo,lindo...também vivo uma saudade que doi..linda sua xícara,delicada como voce!
bjkas

ANGELA disse...

Sempre que te visito sinto sensibilidade e sabedoria nos textos e imagens!Ótimo dia!Bjo

http://reciclaretudodebom.blogspot.com/ Deya disse...

oi amiga, que dó vc sente minha falta, mas é que agora começa a esquentar por aki , tenho mais alunos, todo mundo querendo se mexer, eu mesmo passo mais tempo no parque correndo etc, e os seguidores aumentam , não da para visitar todos então vou revesando, mas sempre vou aparecer pode demorar mas eu venho bjs deya

Carol disse...

Ilaine, as palavras não são repetidas, as canecas também não e o encanto continua.
Essa caneca também é belíssima, mas continuo suspirando por aquela outra de flores miúdas do post anterior com a colherzinha, claro rs.
Beijos

SoBijoux disse...

Ilaine, não posso me repetir todas as vezes, senão qualquer dia ficas farta dos meus comentarios. Mas ADOREI... lindo o teu texto, como sempre. Como eu te entendo, longe da nossa terra e da família, custa e custa e custa e denomina-se saudade. Como não ter quando vivemos a milhas dela?? E quando ela tem locais que parecem o paraíso?? ( A minha situa-se no meio do Oceano Atlantico). Por muito bonito que seja o local onde vivemos, fica sempre aquela nostalgia, de que nada consegue superar o local onde nascemos...
Mas como dizias no último post, temos que ser felizes com o que temos, doseando de maneira a florescer esta felicidade.
Amiga, um grande abraço.
Ione

SoBijoux disse...

Esqueci-me de dizer, adorei a chávena. Também tenho paixão por chávenas!!
Bj
Ione

Vânia Pinho disse...

Ai meu Deus....depois de ler esse MARAVILHOSO texto fiquei com vontade de pegar um mapa do meu Estado ( no meu caso seria mais apropriado)e sair traçando, riscando ou pontilhando os lugares que mais gosto e mais sinto falta...kkk...acho que o mapa vai ficar todo rabiscado!!!
Quanto a xícara...apenas um comentário: DIVINA!

BJUX AMADA

Vânia Pinho

Roberta Colling disse...

xícaras são tudo de bom, pode postas 100x que eu ainda vou achar lindo, ainda mais sendo vc, com suas fotos perfeitas!!!
Bjus

Maria Luiza disse...

Ila
Seus textos são lindos!
É de uma delicadeza suave para expressar os sentimentos, e o mesmo sinto em suas fotos.
Beijos, tudo de bom!

Josy disse...

Ila nunca vou me cansar das suas xícaras, dos seus textos e desse cantinho maravilhoso. Aqui é uma caixinha de surpresas sempre, e belas surpresas, que sempre me encantam. Bjos querida.

Casa com tudo dentro disse...

Oi Ilaine!
Amiga adoro suas palavras sempre,e xícaras são mesmo lindas,tbm adoro e a sua ja anuncia que a primavera no Brasil ja chegou,amei,beijinhos!

Felipe Bastos disse...

Ila, texto muito sensível! Parabéns! A xícara é muito bonita... Dei uma parecida para minha tia quando fui ao Brasil da última vez... Continue escrevendo e fotogrando! Beijo!!

www.disegnoamilanesa.blogspot.com

Claudia (Perfeita Ordem) disse...

Lindo texto Ilaine!
Xícaras!
Quantas vezes você as colocar, serão muito bem-vindas!
Amo xícaras,principalmente essas!
Beijo,linda sexta-feira!

Jô Bibas disse...

Estar longe não é facil. O difícil é que sempre que estamos perto de algo, outro lugar querido está longe.
Vendo essas xícaras me veio uma vontade de fotografar os cálices de licor da minha coleção. Mas não sairiam tão lindas!

Rô Faleiro disse...

Amiga, que texto lindo!
Faz um mapa do Brasil com vc dentro :)
hehehe
Adorei a xicara!
Lindo dia pra vc
bjoks

Kakau Netto disse...

Oi, querida Ilaine! Gostei imensamente de conhecer mais este cantinho teu... já havia me encantado com o Ensaios e tive a mesma impressão sobre este! Estou seguindo os dois... Bjs, Kakau

Vânia Pinho disse...

Oi amada...estou passando para te desejar um fim de semana abençoado e cheio de flores!

bjux

Vânia Pinho

Cecília disse...

Ila seu blog é um presente maravilhoso!!!
Bjo

casa filhos e marido disse...

Oi amiga virtual linda e amada tudo bem?
Vim retribuir a visitinha Adorei as imagens do post. E obrigado por elogiar minha princesa sou suspeita em dizer mas ela e tudo na minha vida e linda msm ne
Bjssssssssssssss