16 fevereiro 2016

Aurora

Os dias estão mais claros, cada vez mais claros. E com a chegada das primeiras flores, ainda que muito delicadas e ainda tinindo de frio, também eu tenho vontade de fazer mil coisas, também eu renasço. Amo as manhãs. Levanto cedinho e então minha alma está impregnada de vida, de ânsia por fazer,  por realizar. O sol agora ( já mais ousado ) deitou nos telhados de ardósia das casas geminadas e atrás delas vejo o azul profundo do céu - um azul sem disfarces, sem maquiagens. Puro e belo.  Pensei em sair para fotografar, para registrar os primeiros momentos da aurora... para senti-la e desejar-lhe as boas vindas. Eu poderia ir ao Jardim Botânico e lá observar os cisnes no lago, os patos e o voo da garça real. E quem sabe o esquilo já esteja ensaiando os primeiros passeios pelo parque. Quem sabe! Quero, na verdade, acompanhar os brotos da magnólia e eternizar o rosa feminino de suas pétalas. Não poderei perder nenhum passo de toda transformação. Poderia fotografar os primeiros sinais da primavera. No entanto, hoje marquei um encontro para conversar com uma boa amiga do Brasil e estes momentos são preciosos para mim. Então o passeio fica para amanhã. O contato com as pessoas queridas de lá, da patriazinha amada... permanece e as amizades verdadeiras, aquelas de anos, nunca desbotam. E com uma longa conversa, também elas fortificam e - haverás de concordar comigo - fortalecem a alma da gente, assim como a própria aurora. 


8 comentários:

Patricia Merella disse...

Que delícia começar meu dia lendo-a! Tu és mesmo especial ❤

Patricia Merella disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
brisonmattos disse...

fotos maravilhosas. Meus parabéns

Sissym Mascarenhas disse...



Ila,

Descreveu tão bem estas sensações que antecedem a primavera que me senti aí.

Que bom, hoje vai ter algumas horas divirtadas ao encontrar sua amiga.

Bjs

Élys disse...

A primavera chegando e lhe trazendo uma linda inspiração demonstrada neste texto maravilhoso.
Beijos.

Adriana Balreira disse...

Nada melhor que jogar conversa fora com amigas. E ainda mais com amigas de longa distância que moram no coração. Amei as imagens!!
Beijos
Adriana

Regina Melo-Jocknevich disse...

Eu também amo as manhãs Ila, principalmente com esse 'cheirinho' de primavera no ar.

Como sempre suas fotos trazem um sorrio ao meu rosto, beleza, inspiração.

Não quero perder suas postagens para ver a chegada da primavera através de seus olhos.

Grande abraço

António Jesus Batalha disse...

Estou a tentar visitar todos os seguidores do Peregrino E Servo, e verifiquei que eu estava a seguir sem foto, por motivo de uma acção do google, tive de voltar a seguir, com outra foto. Aproveito para deixar um fraterno abraço.
António Jesus Batalha.